Conteúdo não disponível

Desculpe, este conteúdo não está disponível em seu país, mas temos muitos outros para você aqui



MASTERCHEF BRASIL

Depois de uma edição dedicada aos cozinheiros profissionais, Masterchef Brasil volta às suas raízes em sua 4ª temporada.

Conheça as novidades da temporada e saiba mais sobre os implacáveis jurados Paola, Fogaça e Jacquin.

Sextas, às 19h20.

De volta à competição entre cozinheiros amadores, a 4ª edição de Masterchef Brasil busca, além de técnica e criatividade na cozinha, autenticidade e muita personalidade em seus participantes. Dos 640 candidatos que participaram de testes presenciais, apenas 75 foram convocados para a primeira audição com os jurados.

O perfil dos candidatos é bem diverso. São brasileiros e estrangeiros (italiano, tailandês, paraguaio, colombiano e venezuelano) de 22 a 61 anos, das mais diferentes profissões: físico, bombeiro, geógrafo, caricaturista, dentista, professor de jiu-jitsu, entre muitas outras.

Mas conseguir uma vaga ficou ainda mais difícil nessa edição. Os 40 cozinheiros que passarem pelo crivo dos jurados se enfrentam na segunda etapa eliminatória, que terá uma nova dinâmica, mais desafiadora.

Os 21 cozinheiros que entrarão na cozinha mais famosa do Brasil - que ganhou um novo visual nesta temporada - serão conhecidos apenas no terceiro episódio da temporada, que terá o total de 25 episódios.

MASTERCHEF-BRASIL-PROVAS-NOVAS

Crédito: Carlos Reinis/Band


AS PROVAS

Os candidatos que passarem da pré seleção terão pela frente provas com níveis de dificuldade bem variados: desde preparar um “PF” com uma pegada MasterChef até reproduzir uma receita que leva a assinatura de um dos jurados do programa - desafio  que será enfrentado pelos competidores logo na primeira prova de eliminação da temporada.   

Uma outra novidade é a culinária regional do Centro-Oeste e do Norte do Brasil, que ganha destaque como tema de diversas provas ao longo da temporada. O chef paraense Thiago Castanho é um dos convidados especiais já confirmados, assim como o chef francês Emmanuel Bassoleil, o que promete dar uma apimentada no programa.

PREMIAÇÃO

Além do cobiçado troféu de MasterChef, o grande vencedor da temporada vai ganhar R$ 200 mil e uma bolsa de estudos para o curso de técnicas tradicionais da culinária francesa na Le Cordon Bleu Paris. O segundo colocado também ganhará uma bolsa de estudos na unidade da Le Cordon Bleu em Ottawa, no Canadá, podendo escolher entre o curso de cozinha ou de pâtisserie. Os dois finalistas ainda serão premiados com R$ 1 mil por mês, durante um ano, para compras com o cartão Carrefour.


Comentários Ver mais comentários