Os caminhos do orgasmo feminino

Orgasmo Feminino

Por Dr. Ezequiel López Peralta

O orgasmo feminino continua sendo o assunto que mais preocupa e inquieta as mulheres que escrevem em nossos fóruns. Um exemplo:

Gostaria de saber como atingir o orgasmo de formas diferentes. Tenho boas relações sexuais com o meu parceiro, mas para chegar ao orgasmo preciso ficar por cima dele. Acho chato fazer tudo sempre igual. Quero tentar outros métodos.

No artigo de hoje, vamos falar sobre as diferentes formas de atingir o orgasmo feminino. Há uma máxima que diz que “todos os caminhos levam a Roma”. As alternativas para atingir o orgasmo feminino também são variadas. Algumas mulheres têm maior facilidade, mas outras só atingem o clímax com um estímulo específico. O que importa mesmo é chegar ao orgasmo, mesmo que isso só seja possível de uma única maneira. Respondendo à pergunta de nossa amiga, nem todas as mulheres atingem o orgasmo com a penetração. As poucas que conseguem, normalmente precisam ficar em posição de dominação, sobre o parceiro, para manter o contato necessário.

De qualquer forma, vou listar abaixo algumas maneiras diferentes de atingir o orgasmo.

- Estímulo direto do clitóris. Esta é, sem dúvida, a maneira mais simples. Não há fórmulas para a estimulação direta, ela pode ser feita com carícias, com a língua, com vibrações.

- Estímulo combinado – penetração e carícias no clitóris. É uma forma eficiente de atingir o orgasmo durante a penetração. Procure posições que permitam essas carícias.

- Estímulo anal. O ânus possui terminações nervosas que, muitas vezes, aumentam muito o nível de excitação.

- Estímulo dos mamilos. É uma zona erógena que, por si só, pode levar ao orgasmo quando estimulada de maneira adequada.

- Palavras e sussurros no ouvido. Certas palavras aumentam a excitação e a intimidade.

- Fantasias eróticas. Algumas mulheres têm a imaginação tão fértil que só com o pensamento, mesmo sem estímulo físico, conseguem atingir o clímax.

Não é um estímulo único, mas a combinação de vários estímulos que gera a sintonia necessária para o orgasmo. O mais importante é testar para descobrir o que é mais prazeroso para você.

Publicidade

Publicidade